Sistema movido à energia solar pode tornar a água potável


Com a dessalinização, é possível obter água potável, porém, este método é muito caro, o que pode mudar com uma nova ferramenta, acessível e eficiente. Veja mais detalhes abaixo:

Foi desenvolvido, pelos pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), um sistema que usa a energia solar para tirar o sal da água do mar e torná-la potável. Já há tecnologias deste tipo, porém, esta é mais eficiente do que as já existentes.

Com o novo sistema, é possível gerar 5,8 litros de água doce por hora, o dobro do que era possível antes, com outros equipamentos. Todo o estudo foi publicado na revista Energy and Environmental Science.

O sistema do MIT  tem uma estrutura flutuante, a qual absorve água salgada e acelera a transformação do recurso em vapor, com a utilização de algumas camadas, sendo a primeira uma placa que concentra a energia do sol, a segunda camada é de folhas de papel toalha, que absorvem a água salgada e, depois, vem o condensador, que transforma o vapor em água potável.

O calor se mantem no sistema, o qual é revestido por um isolante térmico de aerogel. Segundo os pesquisadores, este sistema poderia ser aplicado nas regiões costeiras áridas, pois poderia oferecer água potável de baixo custo, já que daria para atender uma família inteira com, somente, 100 dólares.

Quer economizar em sua próxima conta de água? Nós temos a solução. Conheça nossos serviços de Consultoria em Contas de Água. Saiba mais.


EVITE FRAUDES:
O usuário que suspeitar do boleto deve prestar atenção nos três primeiros números do documento e no campo "Nosso Número" (segunda sequência de 12 números do boleto bancário). Por exemplo: uma cobrança do banco Itaú que comece com o número 237 (do banco Bradesco) é falsa, pois o número do banco é 341. Os códigos dos bancos podem ser encontrados no site da Febraban (Federação Brasileira de Bancos): http://www.febraban.org.br/arquivo/bancos/sitebancos2-0.asp