Nova tecnologia avalia se lixo pode ser reciclado


Um novo dispositivo está sendo testado, o qual pode identificar se o lixo pode ser reciclado. A tecnologia está sendo estudada pela empresa Cohda, localizada no Reino Unido.

Por não ficar 100% clara a forma de fabricação de algumas embalagens e, assim, não sabermos como descartá-las corretamente, a empresa de design Cohda iniciou os testes em um produto inovador: um dispositivo que pode identificar se o material de um resíduo é reciclável ou não.

O Recycling Identification Device (RID) possui tecnologia de espectrometria infravermelho, a qual transmite uma luz que verifica os materiais da composição dos produtos. Desta forma, o lixo é analisado de maneira rápida e prática, pois basta alguém segurar o dispositivo em um resíduo, e o mesmo acenderá ou vibrará para avisar que o material pode ser reciclado.

Os designers pretendem entregar estes aparelhos para a população junto à um cartão RFID, que pode ser atualizado e que fica pendurado nas lixeiras, informando o que é reciclado na região. Este sistema tem baixo custo e não necessita de internet para funcionar.

Quer economizar em sua próxima conta de água? Nós temos a solução. Conheça nossos serviços de Consultoria em Contas de Água. Saiba mais.


EVITE FRAUDES:
O usuário que suspeitar do boleto deve prestar atenção nos três primeiros números do documento e no campo "Nosso Número" (segunda sequência de 12 números do boleto bancário). Por exemplo: uma cobrança do banco Itaú que comece com o número 237 (do banco Bradesco) é falsa, pois o número do banco é 341. Os códigos dos bancos podem ser encontrados no site da Febraban (Federação Brasileira de Bancos): http://www.febraban.org.br/arquivo/bancos/sitebancos2-0.asp