Criado sistema com imã para dissolver microplásticos da água


Cientistas criaram um sistema que usa uma ferramenta de carbono em formato de mola, a qual tem capacidade de quebrar as moléculas do plástico e, assim, evitar a contaminação da água.

Na Austrália, cientistas da Universidade de Adelaide inventaram um sistema de ímãs que podem tirar os microplásticos da água. Esta tecnologia usa uma ferramenta feita de carbono com forma de mola, que quebra as moléculas do plástico e diminui o efeito da contaminação que o material causaria na água.

A Revista Matter, que divulga ciência, publicou este projeto, o qual é muito importante para a natureza pois, de acordo com o professor de engenharia química e um dos responsáveis pela criação, Shaobin Wang, os microplásticos absorvem os contaminantes orgânicos e metálicos enquanto estão na água, fazendo com que estas partículas plásticas causem muitos problemas ao meio ambiente.

Segundo os pesquisadores do projeto, os produtos resultantes da degradação dos microplásticos são inofensivos, podendo ser utilizados como fonte de carbono para ajudar no crescimento das algas.

Quer economizar em sua próxima conta de água? Nós temos a solução. Conheça nossos serviços de Consultoria em Contas de Água. Saiba mais.


EVITE FRAUDES:
O usuário que suspeitar do boleto deve prestar atenção nos três primeiros números do documento e no campo "Nosso Número" (segunda sequência de 12 números do boleto bancário). Por exemplo: uma cobrança do banco Itaú que comece com o número 237 (do banco Bradesco) é falsa, pois o número do banco é 341. Os códigos dos bancos podem ser encontrados no site da Febraban (Federação Brasileira de Bancos): http://www.febraban.org.br/arquivo/bancos/sitebancos2-0.asp